segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Há quem diga que existem várias leis para se ser FELIZ.

Há quem diga que existem várias leis para se ser FELIZ. Para mim, há apenas uma; ser AUTENTICO!

Fazendo a cada dia o que é melhor para nós, segundo as nossas capacidades. Fazendo os ajustes interiores necessários, rompendo se preciso com velhos padrões, acreditando em nós mesmos e aceitando-nos, dando a nós próprios o direito de cometer um erro, pois as vezes só aprendemos quando tentamos ou experimentamos o nosso próprio caminho.

Será que temos que ser sempre competitivos? Sempre os melhores? E afinal para quem; para provar algo a nós ou aos outros? Não será que assim perdemos mais? A vida avança e o tempo passa-nos entre os dedos, os filhos crescem, os relacionamentos se desgastam ou mudam. Henry Miller disse: “todo o crescimento é um salto no escuro, um acto espontâneo, não premeditado, que não se apoia em qualquer experiência.”É isso, para crescer é preciso saltar para o nosso real Eu, o Eu verdadeiro, muitas vezes sufocado dentro de nós, por nós mesmo quando não permitimos que ele se manifeste e em seu lugar optamos por utilizar mascaras, muitas vezes mais confortáveis que mostrar nosso Eu, mas que segue os padrões e vai de encontro as expectativas de quem nos cerca; família, escola, amigos, marido/esposa, filhos, patrão, sociedade e até mesmos os meios de comunicação, que nos passam a mensagem que seremos mais felizes ou realizados se tivermos aquele telemóvel ou usarmos determinado perfume, como se a felicidade fosse comprada em pacotes pronta a ser utilizada. Encontrar o caminho para a felicidade, passa por se encontrar consigo próprio, amar-se, conhecer-se e se permitir ser AUTENTICO. Você merece!

Boa jornada interior.

Gabriela Barros

Sem comentários:

Enviar um comentário